Você sabe Pular no Kart Indoor?

É muito comum ver alguns pilotos mais experientes no kart indoor se movimentando em seu banco durante uma corrida ou uma bateria, você sabe o que eles estão fazendo?

A Academia do Kart colocou em prova uma das técnicas mais polêmicas e utilizadas por estes pilotos, verificou e quantificou a sua efetividade.

Muita gente já sabe que para conseguir o melhor desempenho de seu kart indoor é necessário projetar o seu corpo para o lado de fora das curvas. Essa técnica surgiu a partir do entendimento da mecânica e física do kart (Abordaremos isso em posts futuros).

Partindo do princípio teórico fica claro que há uma vantagem em realizar este tipo de técnica, chamada de pêndulo, mas quanto será que ela pode nos ajudar em nossas corridas de kart indoor?

Além do pêndulo, existe outra técnica que um piloto de kart amador pode utilizar, que é o Pulo. O Pulo consiste em deslocar o corpo para frente de modo que o peso de seu corpo seja projetado para frente com isso o kart receba uma força adicional de deslocamento.

Participando de vários eventos, torneios e campeonatos de kart indoor, nós da Academia do Kart, observamos pilotos executando essas técnicas de diversas maneiras...umas de forma mais eficiente e outros nem tanto, algumas chegando a prejudicar o desempenho do piloto.

Outro aspecto que envolve essas técnicas é o cansaço físico que o piloto de kart indoor pode ser submetido no decorrer da bateria. Isso pode ser fatal para a sua consistência e regularidade – fatores críticos de sucesso para qualquer piloto de kart amador.

Sabendo destes dois (possíveis) pontos negativos – Executar a Técnica da Forma Errada e Cansaço Físico – é muito importante que o piloto saiba o que está fazendo para que não estrague a sua corrida de kart indoor. Em conteúdos futuros trabalharemos esta técnica com mais detalhes.

No vídeo abaixo mostramos o resumo do teste realizado no Kartódromo San Marino em Paulínia/SP. Fizemos 3 voltas sem executar a técnica e 3 voltas executando as técnicas, como as voltas realizadas por nosso piloto (Maurício Pereira) variaram apenas na casa dos centésimos, optamos por mostrar apenas a volta mais rápida de cada.

        

Percebeu a importância da utilização das técnicas corretas? Talvez o seu desempenho esteja limitado à aplicação de técnicas como esta, mas lembre-se que toda técnica deve ser testada e aperfeiçoada com a prática.

Acompanhe os nossos canais e deixe seus comentários, opiniões e sugestões. Se tiver algum mito que gostaria que fizéssemos uma matéria, envie para contato@academiadokart.com.br

Um grande abraço!